Image Map

ALÔ, BENZINHO: TÉRMINOS, FICANTES MALTRATADOS E RELACIONAMENTOS ENJOATIVOS




Uma coisa que nunca me disseram sobre "superar términos" é que não se trata de uma decisão consciente e sim de algo que simplesmente acontece. Poderia ser fácil: você acorda um dia, fala "vou superar esse cara" e pronto. Na verdade, você não tem nenhum controle sobre os seus sentimentos, só sobre as suas ações. Então você pode continuar vivendo como se seu ex jamais tivesse existido, mas você vai continuar sentindo aquele emaranhado confuso de arrependimento, ciúmes e tristeza por um bom tempo. É uma das poucas situações em que o pano de prato da sua casa e a Bíblia estiveram certos: tudo deve passar.

Divido o estágio pós-término em duas partes.

1) Taylor Swift

Essa é a hora em que você chora, dorme com a camiseta dele e escuta Nick Drake. Você reprisa vários momentos do relacionamento na sua mente e em todas as vezes chega a alguma conclusão inédita e iluminadora sobre o que deu errado. Você checa as redes sociais dele religiosamente, assim como as redes sociais de possíveis novas namoradas, isso se ele já não tiver arranjado outra. Caso sim, você se compara incessantemente com ela. Acordou vinte minutos atrasada? Esqueceu de devolver os livros na biblioteca e agora vai ter que pagar uma pequena fortuna? Aposto que a atual dele jamais faria isso.

É um tempo de introspecção e autocomiseração. Você não tem motivação para fazer nada e vira uma daquelas pessoas que não para de falar sobre o ex na fila do mercado com desconhecidos. Toda vez que for conversar, algum comentário vai te fazer lembrar de um episódio que você viveu com ele, de algo que ele gostava ou um traço da personalidade dele.

2) Beyoncé

Bom, uma hora algum amigo caridoso vai te dizer que não aguenta mais ouvir você falar sobre esse ex. E que você precisa lavar o cabelo. Agora você posta "viver bem é a melhor vingança" no Twitter, sai quatro vezes por semana à noite e marca todos os encontros possíveis. Quando estamos em um relacionamento, temos que conciliar as nossas vontades com a de outra pessoa. Estar solteiro é a oportunidade para nos concentrar completamente na pessoa mais fantásticas de todas: nós mesmos. Você vai estar sofrendo por dentro, mas pelo menos vai estar fazendo coisas divertidas enquanto isso.

No momento, estou transacionando da fase Taylor Swift para Beyoncé. Meu conselho é aproveitar os prazeres de estar na fossa mas sair de lá assim que for possível. Se você já está há dois dias sem tomar banho, é um sinal de que está na hora de mudar. Pare de seguir ele no Facebook e sempre que quiser entrar no perfil dele assista esse vídeo do polvo-mímico. E não importa o que aconteça, não escute Tove Lo.


Isso é uma das coisas horríveis sobre ser uma garota: nos ensinam que se agirmos como pessoas maduras e bem resolvidas e formos honestas sobre nossos sentimentos,  vamos afastar o *:・゚✧*:・゚✧ homem dos sonhos  *:・゚✧*:・゚✧. No final, só acabamos tendo relacionamentos problemáticos e nos tornando completamente inábeis em lidar com intimidade. 

Você pode ser honesta, falar para o cara a verdade e pedí-lo de volta. Entenda que ele vai ter o direito de não querer voltar com uma pessoa que fez ele sofrer. Vocês voltando ou não, encare isso como uma experiência que te ensinou algo a não ser reproduzido jamais nos futuros relacionamentos. 

Relacionamentos não são jogos e a gente não precisa fingir nada para "ficar por cima". Na maioria das vezes, eles envolvem menos tempo elaborando estratégias mirabolantes e mais fazendo coisas chatas como conversar sobre os sentimentos e comprar lubrificante juntos na farmácia. Falar a verdade sobre o que você sente não te torna fraca ou desinteressante, pelo contrário, te faz madura e corajosa. Boa sorte.



Acredito que você deve tentar de tudo na vida, então sim. Mas fazer sexo com uma pessoa pela qual você não sente atração física vai ser sempre ruim, independentemente do gênero. Minha sugestão é não se preocupar tanto em tentar se encaixar em algum espectro sexual e sim em experimentar a sua sexualidade espontaneamente. Faça o que você estiver a fim de fazer quando você estiver a fim de fazê-lo, sem se forçar a nada. Fantasias sexuais são só fantasias, não necessariamente são experiências que você vai curtir viver na vida real.




Miga, esquece esse rapaz. Você foi vítima de um timing mal calculado e não há nada a ser feito a não ser pegar outros caras. Às vezes a Sessão da Tarde nos traz lições importantes e uma delas é de que nem a Julia Roberts conseguiu impedir o Dermot Mulroney de ficar com Cameron Diaz quando era isso que ele queria. 


Talvez tenha, mas o fato é que você definitivamente não é uma prioridade na vida dele. Quando levamos um fora, a tendência é ficarmos obcecados com o verdadeiro motivo que levou a pessoa a nos abandonar. Como já terminei alguns relacionamentos, posso te dizer que não existe uma única razão iluminadora e sim uma série de fatores que acabam se acumulando. Essa provavelmente foi a melhor desculpa que ele conseguiu inventar. Ou ele é realmente obcecado demais por estudos. De qualquer forma, seu ex é pouco criativo ou muito chato. Você merece coisa melhor.


Não tem nada de errado! Você só não encontrou uma pessoa menos enjoativa ainda. Não fique bitolada à procura de um relacionamento e nem entre em um por oportunidade e falta de algo melhor. Continue vivendo despreocupadamente e de repente você vai se encontrar apaixonada, ter um relacionamento cheio de problemas (como todos são) e sofrer pra caralho. Aproveite para viver sua vida fabulosa de solteira com intensidade: bastante Netflix e festas com música ruim.


Cansado de falar sozinho com as sobras do Tender de Natal? Mande seus problemas aqui: http://ask.fm/deixadebanca

0 comments:

Postar um comentário

 
Mini Rage Face Crying Smiley